web design templates

Cadeias Produtivas

Plano Estratégico para as Cadeias Produtivas do Agronegócio no Estado do Tocantins - 2018 / 2027

Mobirise

Soja e Milho

Volumes 1 e 2

Mobirise

Carne Bovina

Volume 3

Mobirise

Arroz

Volume 4

Mobirise

Silvicultura

Volume 5

Mobirise

Piscicultura

Volume 6

Apresentação

Metade do território do Estado do Tocantins tem potencial para a produção agrícola. A disponibilidade de recursos naturais, como água, biodiversidade, insolação e clima tropical, confere ao Tocantins um meio físico, extremamente favorável à agropecuária. Prova disso é o fato do Estado ocupar o 9º lugar no país na produção de soja, o 3º na de arroz e possuir o 11º rebanho bovino nacional.

Além disso, o Tocantins integra a região norte do país que, juntamente com as regiões centro-oeste e nordeste, apresentaram na última década um crescimento econômico superior ao das regiões sul e sudeste, tradicionais líderes nacionais nesse quesito. Essa interiorização do desenvolvimento é um fenômeno ainda recente, mas reconfigura a atividade econômica do país e reforça o quadro de oportunidades do Estado. 

Mas o Estado precisa avançar, realizar esse potencial e aproveitar essas oportunidades. Explorar sua característica vocacional do ponto de vista logístico, criar programas oficiais de aproveitamento sustentável de seus recursos naturais, associar o macrossistema viário à industrialização das “commodities” agrícolas. A indústria de transformação da matéria-prima agrícola ampliará a participação do Tocantins no mercado global de alimentos, criará mais empregos de qualidade e divisas. Esta é uma construção coletiva, onde o estado e a iniciativa privada têm missões definidas. Ao primeiro compete conceber e executar políticas públicas de estímulo e, ao segundo, aumentar sua produtividade e a qualidade de seus produtos.


Foi com esta filosofia que a Federação das Indústrias do Estado do Tocantins - FIETO, com recursos financeiros do Fundo de Desenvolvimento Econômico do Estado do Tocantins – FDE, encarou o desafio de elaborar o presente estudo. Nele estão delineados os diagnósticos das principais cadeias produtivas do agronegócio tocantinense e seus mercados mundiais, nacionais e local; analisados os custos, as forças e as fraquezas de cada uma delas e, acima de tudo, aponta os projetos estratégicos e as diretrizes que deverão nortear o seu desenvolvimento.

Agora sabemos o que precisamos fazer, o Estado e o segmento produtivo têm diante de si as “rotas” do desenvolvimento do mais importante segmento de sua economia. A indústria acredita que, idealmente, a “governança” desse desenvolvimento deverá ficar a cargo de um comitê de gestão formado pelos diversos agentes, públicos e privados, das cadeias produtivas aqui focalizadas. Pô-lo em marcha será, doravante, nosso dever de casa.

Mobirise

Roberto Magno Martins Pires
FIETO – Federação das Indústrias do Estado do Tocantins
Presidente

O Projeto

O projeto “Plano Estratégico para as Cadeias Produtivas do Agronegócio no Estado do Tocantins” foi uma iniciativa da Federação das Indústrias do Estado do Tocantins - FIETO, em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia, Turismo e Cultura do Estado do Tocantins – Seden.

Para tanto, foram destacados alguns pilares ou temas fundamentais que pautam todo o estudo na busca da identificação de estratégias concisas e aderentes à realidade do Estado. São eles: Marco Tecnológico, Associativismo e Cooperativismo, Uso da Terra, Desenvolvimento da Indústria Local e Instrumentos de Apoio Estaduais.

Para a primeira fase do projeto, foram selecionadas algumas cadeias produtivas a serem estudadas. A seleção considerou cadeias que já possuem papel de destaque no Estado do Tocantins, mas que ainda têm muitas potencialidades a serem exploradas, sempre visando impulsionar o cenário econômico e social do Estado. As cadeias selecionadas foram:  Soja e Milho,  Pecuária (carne bovina), Arroz, Piscicultura  e Silvicultura. 

Expediente

  • GOVERNO DO ESTADO DO TOCANTINS
  • CONSELHO DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO - CDE
  • FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DO TOCANTINS - FIETO
    Roberto Magno Martins Pires (Presidente)
  • FIETO - EQUIPE TÉCNICA
    José Roberto Fernandes (Coordenador)
    Sérgio Carlos Ferreira Tavares
    Lisia Daniella Lustosa Ferro
    Wandemberg Pereira Rodrigues
    Karolina Gonçalves de Sousa
  • CONSULTORIA – MARKESTRAT
    Marcos Fava Neves (Coordenador)
    Tássia Gerbasi
    Flávio Ruhnke Valério
    Patrícia Milan Rodrigues Alves
    Carla Cristina Martoni Pereira Gomes
    Letícia Franco Martinez
    Giulia Machado Agostini
    Eduardo Garcia Filho
    Pedro Galvão Caserta
    Vinícius Verdu de Oliveira
  • REVISÃO
    Zenilda Drumond
    Larissa Parente
  • EDIÇÃO E PROJETO GRÁFICO
    Bonina Comunicação
O presente plano foi elaborado com recursos financeiros do Fundo de Desenvolvimento Econômico do Governo do Estado do Tocantins, através do Termo de Colaboração Nº 508/2016 celebrado entre o Governo do Estado do Tocantins, por intermédio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia, Turismo e Cultura e a Federação das Indústrias do Estado do Tocantins.

Agradecimentos

Diversas instituições e seus representantes - nominados por ordem alfabética no link do botão - subsidiaram a elaboração do conteúdo do presente volume, com entrevistas, presenciais ou remotas, com material de consulta e/ou análises, contribuições e sugestões, escritas ou orais, durante as diversas fases do estudo.

Contato

104 Sul, Rua SE 03 Lote 34 A, Ed. Armando Monteiro Neto
Plano Diretor Sul, Palmas - TO CEP 77020-016 -  Tel 63 3229-5700 

© 2018 Federação das Indústrias do Estado do Tocantins

Compartilhe esta página